9.8 C
Lisbon
19 Dezembro 2018
Formula 1

Whiting ‘iliba’ Magnussen do incidente com Leclerc

Um dos incidentes que originou alguma polémica na corrida de ontem do GP do Japão de Fórmula 1 aconteceu entre Charles Leclerc e Kevin Magnussen. Os dois tocaram-se na recta da meta quando o dinamarquês da Haas se moveu em frente do rival da Sauber ficando com um furo no seu pneu traseiro esquerdo e danos que acabaram por motivar o abandono.

Apesar de nem ter sofrido as piores consequências, Leclerc ficou surpreendido por Magnussen não ter sido penalizado, uma vez que considera que foi bloqueado pelo adversário. No entanto, o director de corrida Charlie Whiting afirmou, citado pelo RaceFans.net, que o movimento do nórdico não pode ter sido uma reacção de bloqueio devido ao ‘timing’ em que foi tomado face à manobra de Leclerc:

– Se analisares isto bastante atentamente, o que vês é dois monolugares a chegarem com o Kevin a não se mover e então o Charles apanha, apanha, apanha. Ele decide ir para a direita exactamente ao mesmo tempo – no vídeo há um ‘frame’ de diferença e depois o Kevin move-se. Portanto, julgo que é impossível dizer que o Kevin o bloqueou, só tomou a decisão de ir para a direita uma fracção depois do Charles”.

Whiting fez ainda questão de realçar que esta manobra exigiu especial cuidado na análise: “Tens de olhar para isto algumas vezes e analisar ao pequeno detalhe para ver isso, mas julgo que só foi infeliz e foi isso que os comissários sentiram”.

Créditos da imagem: Glenn Dunbar

Related posts

Sebastian Vettel: “Foi uma corrida muito difícil”

Bernardo Matias

Mercedes dominou primeiro treino da época de F1

Bernardo Matias

VÍDEO: Vettel – “No pódio o champanhe sabe sempre bem”

Bernardo Matias

Leave a Comment

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com