• Home
  • WRC
  • Ogier triunfou no México e volta a liderar o WRC
WRC

Ogier triunfou no México e volta a liderar o WRC

Sébastien Ogier selou este domingo o segundo triunfo no Mundial de Ralis (WRC), ao impor-se à concorrência no Rali do México, terceira ronda do ano. O piloto da M-Sport Ford juntou aos 25 pontos do triunfo os quatro do segundo lugar na Power Stage, o que lhe permitiu recuperar a dianteira do campeonato.

Na Power Stage (Las Minas), Ott Tänak, em Toyota, foi o mais rápido superando Ogier por quatro décimas, amealhando cinco pontos. Jari-Matti Latvala (Toyota), Thierry Neuville (Hyundai) e Andreas Mikkelsen (Hyundai) foram os restantes homens a pontuarem pelo resultado na derradeira classificativa.

Um furo neste troço fez Dani Sordo perder mais de 18 segundos para os dois mais rápidos, mas mesmo assim o espanhol da Hyundai assegurou o segundo lugar final ficando a 1m13,6s de Ogier. Kris Meeke foi oitavo na Power Stage e terminou a prova no lugar mais baixo do pódio, sendo o melhor homem da Citroën.

Com o quinto tempo da Power Stage, Mikkelsen não teve problemas em assegurar o quarto posto final na frente de Sébastien Loeb. Neste seu regresso após mais de três anos, o gaulês da Citroën liderou desde a 11.ª classificativa até sofrer um furo na PEC 14, terminando num positivo quinto lugar.

Thierry Neuville, que defendia a liderança do WRC, não foi além da sexta posição, e nem os pontos do quarto lugar na Power Stage lhe permitiram salvar a dianteira. O belga da Hyundai, que teve que abrir a estrada na sexta-feira, perdeu muito tempo e não foi capaz de lutar pelas primeiras posições. É agora vice-líder do campeonato a nove pontos de Ogier.

De recordar que no primeiro dia Dani Sordo foi o grande protagonista do Rali do México, assumindo o comando após superar Meeke na PEC 3. Sem nunca conseguir uma vantagem significativa, o espanhol acabou por perder o primeiro posto para Loeb na PEC 11, onde esteve a braços com problemas de travões.

Daí em diante, Sordo nunca mais esteve em condições de discutir a liderança, chegando ao segundo posto em que terminou depois de Loeb sofrer um atraso devido a furo na PEC 14. Após o problema, o então líder caiu para o quinto posto final e Ogier assumiu a liderança começando então a ganhar tempo de forma gradual face à concorrência. Cortou a meta com 1m13,6s de vantagem para Sordo.

Nas contas do WRC2, Kalle Rovanperä acabou com uma vitória em Las Minas 2 na frente de Pontus Tidemand, mas esteve longe de ser o suficiente para tirar o triunfo ao sueco. O piloto dominou todo o rali na categoria, só não foi o mais rápido em cinco das 22 classificativas e acabou com mais dfe 6m44s de margem face ao segundo classificado, Gus Greensmith.

Top dez da Power Stage (esquerda) e da geral (direita):

Related posts

Ford pode estar de volta ao WRC com a M-Sport

Bernardo Matias

Thierry Neuville: “Preciso de ser mais agressivo”

Bernardo Matias

Pierre Budar: “O objectivo para a Sardenha é estar entre as posições da frente”

Bernardo Matias

Leave a Comment

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com

Login

X

Register