13.3 C
Lisbon
20 Novembro 2018
Destaques Resultados WRC

Loeb triunfal no Rali de Espanha; Ogier regressa ao topo do WRC

Sébastien Loeb está de volta aos triunfos no Mundial de Ralis (WRC), ao triunfar no Rali de Espanha deste fim-de-semana. O terceiro posto na derradeira foi suficiente para o francês superar o compatriota Sébastien Ogier, que é o novo líder do campeonato depois de Thierry Neuville perder tempo e o pódio na PEC 18.

A Power Stage fechou a prova catalã com Ott Tänak (Toyota) a derrotar Ogier por dois segundos garantindo os cinco pontos adicionais. O homem da M-Sport Ford juntou quatro pontos aos 20 do segundo posto final. Loeb cortou a meta de Santa Marina 2 sete décimas atrás do pentacampeão em título, suficiente para manter a liderança e ganhar 2,9s na frente de Ogier.

Elfyn Evans (M-Sport Ford) e Dani Sordo (Hyundai) fecharam os lugares pontuáveis da Power Stage acima de Neuville que, afectado por um furo na fase final da Power Stage perdeu muito tempo acabando em sexto do troço e quarto do rali. Cedeu dez pontos a Ogier, que entra na derradeira ronda do WRC no comando com três pontos de vantagem.

No WRC 2, Jan Kopecký (Skoda) acabou a prova a bater Kalle Rovanperä (Skoda) na PEC 18, mas não fez o suficiente para impedir o finlandês de levar de vencida por 8,5s nas contas finais da prova na categoria. O pódio foi completado pelo Ford de Nil Solans.

O sumário do rali
Ogier foi o primeiro líder da prova, sendo destronado por Tänak na PEC 3 na qual cometeu um pequeno erro. O estónio permaneceu então no comando durante todo o dia de sexta-feira. Após a primeira classificativa do chuvoso dia de sábado já tinha mais de meio minuto de vantagem, mas na seguinte (PEC 10) sofreu um furo que o afastou da discussão dos lugares cimeiros e deixou Sordo no comando.

A prova ficou ao rubro, com o top cinco a caber em apenas 13,1s. Latvala passou para primeiro na PEC 11 e por lá se manteve até ao fim do dia sempre com margens muito ténues – estava 4,7s acima de Ogier quando o penúltimo dia da prova acabou, ao passo que o top cinco cabia em 12,7s. Assim, tudo estava longe de estar decidido à entrada do derradeiro dia.

Loeb entrou em acção este domingo bastante forte para assumir a liderança logo na PEC 15, reforçando-a na especial subsequente antes de se ver Ogier a aproximar na PEC 17. A margem de 3,6s deixou tudo em aberto para a Power Stage, na qual apesar das dificuldades Loeb conseguiu consumar o triunfo na frente de Ogier.

Com o furo na Power Stage, Neuville, que na sexta-feira perdeu muito terreno, conseguiu recuperar e entrou para a derradeira especial em lugares de pódio. No entanto, acabou por cair para a quarta posição devido ao furo, o que deixou Evans no lugar mais baixo do pódio. Sordo fechou o top cinco na frente de Tänak, cuja recuperação terminou no sexto posto à frente do colega Latvala.

Top dez absoluto final:

Related posts

Rovanperä entre os oito finalistas do Hyundai Driver Development Program

Bernardo Matias

Ogier aproxima-se de Sordo, luta aquece na Catalunha

Bernardo Matias

Tänak: “Temos uma boa hipótese de lutar pelas primeiras posições”

Bernardo Matias

Leave a Comment

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com