8.5 C
Lisbon
16 Janeiro 2019
Dakar

Lançamento da quinta etapa do Dakar 2019

O Dakar 2019 chega a meio com a quinta etapa, que tem partidas em linha e é a mais longa até agora para carros e camiões: 517km cronometrados e mais 197km de ligação. O arranque é em Tacna e a chegada a Arequipa, numa altura em que as emoções estão ao rubro nas duas categorias. A hora de partida prevista dos carros é às 14h50 (hora de Portugal Continental), prevendo-se o início da segunda parte do troço para as 21h20. Já os camiões começam às 15h02.

Autos
Com o triunfo de ontem, Nasser Al-Attiyah cimentou a liderança do Dakar. Contudo, as coisas continuam totalmente em aberto, com pouco mais de oito minutos a separarem o qatari da Toyota de Stéphane Peterhansel que tripula um MINI JCW Buggy – o que significa uma luta nivelada entre os carros de tracção integral e de duas rodas motrizes no topo.

Curiosamente, o top cinco é dominado em termos de número pelos MINI de quatro rodas motrizes – Nani Roma, Jakub Przygonski e Yazeed Al Rajhi estão nas posições subsequentes, a menos de uma hora do topo. Mais abaixo, Boris Garafulic, navegado pelo luso Filipe Palmeiro, já alcançou o lote dos dez primeiros da prova ao ser nono.

Top cinco dos carros:
1.º Nasser Al-Attiyah (Toyota), 12h12m57s
2.º Stéphane Peterhansel (MINI JCW Buggy), + 8m55s
3.º Nani Roma (MINI JCW Rally), + 20m51s
4.º Jakub Przygonski (Peugeot), + 22m17s
5.º Yazeed Al Rajhi (Toyota), + 24m59s
9.º Boris Garafulic (MINI JCW Rally), + 1h36m52s

Camiões
Ainda não foi ontem que a Kamaz viu interrompida a sua série dominadora. Isso esteve perto de acontecer graças a Martin Macik (LIAZ), mas Andrey Karginov alcançou o segundo triunfo seguido para se aproximar do líder. Os três primeiros cabem em menos de dez minutos, pelo que continua sem existir um claro líder nos ‘pesos pesados’. Macik é o principal perseguidor da ‘armada dos Urais’, em quarto a menos de meia hora do líder.

Top cinco dos camiões:
1.º Eduard Nikolaev (Kamaz), 13h52m04s
2.º Andrey Karginov (Kamaz), + 4m58s
3.º Dmitry Sotnikov (Kamaz), + 8m39s
4.º Martin Macik (LIAZ), + 28m48s
5.º Gerard de Rooy (Iveco), + 1h48m16s

Etapa 5:

  • Tacna – Arequipa, 517km de especial / 197km de ligações
  • San Pedro de Tacna: Mais conhecida apenas como Tacna, a cidade tem tido um forte crescimento demográfico e de um grande afluxo migratório desde os anos 1940. No que ao Dakar diz respeito, é uma estreia completa no percurso em 2019, tendo recebido o final da tirada de ontem além do início da de hoje.
  • Arequipa: Pela quarta vez, Arequipa está no percurso do Dakar. A estreia foi em 2012, mantendo-se para o ano seguinte. Quando a prova voltou ao Peru em 2018, Arequipa também esteve no itinerário com um início e um final de etapa, sendo das cidades totalistas em território peruano.

Créditos da imagem: Marcelo Maragni/Red Bull Content Pool

Related posts

Nani Roma: “Tenho de agradecer à ASO por estar a lutar para continuar a fazer as corridas”

Bernardo Matias

Nikolaev ganhou terceira etapa nos camiões, Kolomy de volta ao comando

Bernardo Matias

Peterhansel: “Não foi um erro, foi um grande disparate”

Bernardo Matias

Leave a Comment

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com