8.5 C
Lisbon
16 Janeiro 2019
Formula 1

Honda considera que manter conceito do motor de F1 facilita a tarefa à Red Bull

Como já se sabe desde há vários meses, a Honda vai fornecer a Red Bull em 2019, juntando a equipa de Milton Keynes à sua satélite Toro Rosso. Com o fabricante a apostar na continuidade do mesmo conceito de unidade motriz que já forneceu à formação de Faenza em 2018, conta que a tarefa seja mais fácil para a própria Red Bull.

Em declarações ao site Motorsport.com, o director da Honda para a F1, Toyoharu Tanabe, sustentou: “A Toro Rosso e a Red Bull têm comunicação e é mais fácil para a Red Bull porque a Toro Rosso conhece a nossa unidade motriz. Eles podem comunicar um problema ou alguma preocupação do ponto de vista do chassis e podem informar-nos”.

O responsável nipónico admitiu que se o conceito do conjunto propulsor mudasse de forma radical, então o nível de trabalho necessário seria substancialmente maior: “Se tivermos um design completamente novo ou muito actualizado, requer-se muito mais trabalho”.

Créditos da imagem: Steven Tee/LAT Images

Related posts

Rob Smedley não espera revolução na ‘hierarquia’ da F1

Bernardo Matias

Hamilton “grato” por poder lutar contra Vettel

Bernardo Matias

Aloísio Monteiro de volta ao ERC em Itália: “Objectivo é terminar e ir crescendo”

Bernardo Matias

Leave a Comment

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com