14.8 C
Lisbon
20 Novembro 2018
Formula 1 História

HISTÓRIA: O GP da Suécia de 1973

O calendário de 1973 tinha suas estreias. A primeira tinha acontrecido no inicio do ano, no Brasil, e agora assistia-se à segunda estreia, em terras suecas. Os organizadores queriam incluir a sua prova no calendário desde 1970, mas só quando Peterson vai para a Lotus, no final de 1972, é que a CSI (predecessora da FIA) decide incluir Anderstorp no calendário. E o mais espantoso, no meio disto tudo, é que não teve que ser feita uma prova extra-campeonato no ano anterior, para ver se a pista tinha condições de receber o Grande Prémio.

E não era uma pista qualquer: tinham aproveitado o aeródromo local para fazer uma circuito à sua volta, e as boxes não eram na reta da meta, mas sim noutro ponto da pista. Mas isto não importava muito nem aos organizadores, nem aos pilotos.

No fim de semana de 17 de Junho, quase na entrada do Verão, o autódromo dos arredores de Gotemburgo recebeu as máquinas e pilotos do pelotão da Formula 1. Havia novidades no pelotão: Nanni Galli decidiu arrumar o capacete, e Frank Williams teve que confiar no “local”  – na realidade, era dinamarquês – Tom Belso para guiar o carro naquele fim de semana. Contudo, Belso, que fazia a sua estreia na Formula 1, nem sequer chegou a conduzir, pois o dinheiro do patrocínio não chegara a tempo. Assim, somente Howden Ganley é que correu nesse fim de semana. Entretanto, na Ferrari, decidiram levar apenas Jacky Ickx, com o outro piloto, Arturo Merzário, a ficar em terra. Chris Amon e o seu Tecno também não faziam a viagem à Suécia, pois queriam fazer modificações no seu carro.

E todos queriam ver o herói local, Ronnie Peterson, a ganhar uma corrida. Nos treinos, ele não desiludiu, ao alcançar a “pole-position”. Ao seu lado, na primeira fila, ficava o francês Francois Cevért, no Tyrrell. Na segunda fila estavam o seu companheiro, Jackie Stewart, e o seu rival na lua pelo título, Emerson Fittipaldi. Na terceira fila ficava o Brabham de Carlos Reutemann e o McLaren do veterano neozelandês Denny Hulme. Peter Revson, no segundo McLaren, era o sétimo, seguido pelo belga Jacky Ickx e a fevchar o “top ten” estavam o BRM de Jean-Pierre Beltoise e o Surtees de Mike Hailwood.

Antes do inicio da corrida, os pilotos fizeram queixa dos fotografos, que se colcavam em posições perigosas nas várias curvas da pista, e que poderiam constituir um perigo quer para eles, quer para os pilotos. Por causa disso, a partida teve que ser adiada por uns minutos. Quando esta começou, o público ficou extasiado ao ver ambos os Lotus na frente da corrida… com o seu ídolo local na frente!

As coisas ficaram assim durante cerca de 70 das 80 voltas previstas na corrida. Mas antes disso, Hulme, com pneus mais duros, começou a ultrapassar paulatinamente os seus adversários. Reutmann na quarta volta, Cevért na volta 62, quando este teve problemas de pneus. E o veterano neozelandês sobe para terceiro quando Fittipaldi desiste na volta 71, devido a problemas na caixa de velocidades. Assim, com os pneus melhor conservados, parte ao ataque a Stewart e Peterson.

Aí, a sorte esteve a seu lado: na volta 74, Stewart tem problemas de travões, e tem que ir à boxe, descendo para o quinto lugar. E então, parte para o ataque, com Peterson, à beira da vitória, a ter dificuldades em segurá-lo. E na volta 78, consegue ultrapassar o “Super Sueco”, tirando-lhe uma vitória quase certa. Era a voz da experiência a dar à McLaren a primeira vitória ao chassis M23, enquanto que um desconsolado Peterson ficava com o segundo lugar. Para completar o pódio, aparecia o francês Francois Cevért. E nos lugares restantes ficavam o Brabham de Carlos Reutemann, o Tyrrell de Jackie Stewart e o Ferrari de Jacky Ickx, que ficou a uma volta do lider.

Related posts

Tensão entre Gasly e Hartley no GP do Brasil

Bernardo Matias

Wehrlein surpreendido com saída da Mercedes do DTM

Bernardo Matias

Actualizações da Mercedes deixaram Bottas encorajado

Bernardo Matias

Leave a Comment

This website uses cookies to improve your experience. We'll assume you're ok with this, but you can opt-out if you wish. Accept Read More

Privacy & Cookies Policy
WP Twitter Auto Publish Powered By : XYZScripts.com