Sebastian Vettel mostrou-se, de certa forma, satisfeito por ver que algumas das outras equipas estão a ‘copiar’ ideias da Ferrari nesta época de Fórmula 1, considerando que é o comprovar do bom trabalho da formação italiana.

Em 2017, a Ferrari tem sido substancialmente mais forte do que nos últimos anos, mantendo-se totalmente dentro da discussão dos títulos de pilotos e de construtores com pouco mais de metade da época concluída.

Citado pelo site Motorsport.com, Vettel recordou que a Scuderia não esteve em bom plano em 2015 e 2016, defendendo que o facto de existirem outras formações a seguirem as ideias introduzidas este ano no SF70H é um bom sinal:

– É um facto que nos dois últimos anos não tivemos o melhor monolugar e não fomos a equipa mais forte no desenvolvimento do monolugar. Este ano é uma história diferente e continuamos a progredir. Trouxemos muitas coisas, vimos os outros copiarem muitas coisas, mas isso é um bom sinal. Comprova o bom e árduo trabalho e os resultados que chegaram a este projecto e continuamos a esforçar-nos”.

Por outro lado, o piloto germânico realçou o facto de o Ferrari se ter revelado sempre competitivo nas 11 primeiras rondas da época: “Fomos competitivos em todas as pistas a que fomos. É verdade que a Mercedes está aqui, tem sido mais competitiva e nós ficámos um pouco para trás. É normal, de pista para pista, haver pequenas diferenças. Os pilotos gostam mais de umas pistas do que de outras e é o mesmo para o monolugar”.

O que realmente importa, segundo Vettel, é que a Ferrari sabe o que é necessário fazer independentemente do circuito: “Percebemos muito bem o que o monolugar precisa. Agora temos tempo para olhar para algumas coisas com mais tranquilidade e tentar melhorar”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here